O que é o Mundialíssimo?

Por Diogo Bercito

A Folha estreia, nesta quarta-feira (3), o blog “Mundialíssimo” –a plataforma on-line do jornal para destrincharmos, juntos, os temas do noticiário internacional. Vamos nos perguntar, aqui, o que são as coisas sobre as quais temos lido, de califado islâmico à epidemia de ebola. Assim, proponho apresentar este projeto a partir dessa mesma premissa.

O que é o Mundialíssimo?
O blog é um recurso aos leitores dispostos a entender com mais profundidade os assuntos publicados pela editoria “Mundo”. É uma proposta semelhante ao projeto World Views, no jornal americano “Washington Post”, comandado por Adam Taylor e Ishaan Tharoor (clique aqui para ler)

Como isso vai ser feito?
Por exemplo, a partir de perguntas como estas. Mas também com ilustrações, vídeos, mapas e glossários. O que for preciso para entendermos melhor o assunto. E contamos com sugestões de leitores.

Quem é o autor?
Oi! Me chamo Diogo Bercito. Escrevo para a Folha desde 2007, e desde então tratei de assuntos que incluíram empregabilidade, empreendedorismo, comportamento jovem e histórias em quadrinhos. Em 2011, fui para a editoria internacional. Em 2013, virei correspondente em Jerusalém. Meus anos de cobertura incluíram viagens a países como Coreia do Sul, Tanzânia, Síria e França, relatando de golpes de Estado a uma comunidade de chimpanzés. Hoje moro em Madri, onde curso o mestrado em estudos árabes e islâmicos.

Posso participar?
É claro. Aliás, por favor. Leitores interessados no projeto poderão enviar as suas dúvidas e sugestões por meio do próprio blog ou para o e-mail diogo.bercito@grupofolha.com.br.